Conteúdo sindicado
Cíntia Cardoso
Capa dos jornais franceses Libération e Les Echos desta quinta-feira, 31 de julho de 2014.
31/07/2014 - Imprensa

Milícia judaica radical é alvo da polícia francesa

O conflito entre Israel e o Hamas em Gaza continua a ser destaque nos jornais franceses nessa quinta-feira (31). Mas, para além da situação no local, a imprensa também se interessa pelos desdobramentos que essa crise no Oriente Médio provoca na França e nos mercados financeiros.

Palestino reage a um ataque de Israel em Gaza.
25/07/2014 - Israel/Brasil

Reação "equivocada" de governo israelense reforça posição brasileira

Em resposta à decisão da diplomacia brasileira de convocar o seu embaixador em Tel Aviv, o porta-voz do governo de Israel, Yigal Palmor, usou a ironia. “Desproporcional é perder uma partida de futebol por 7 a 1", disse, em entrevista ao Jornal Nacional. Essa declaração, porém, fez com que o Brasil ganhasse aliados e Israel ampliasse o leque de desafetos, dizem analistas entrevistados pela RFI.

Reprodução de vídeo da coletiva do novo treinador da Seleção Brasileira, Dunga nesta terça-feira, 22.
22/07/2014 - Seleção/Futebol

Dunga assume como novo técnico da Seleção Brasileira

A CBF anunciou nesta terça-feira (22) Dunga como o novo técnico da Seleção Brasileira. O ex-capitão do Brasil no título de 94 já comandou a equipe brasileira entre 2006 e 2010. Na Copa da África do Sul, sob seu comando, os brasileiros foram eliminados pela Holanda nas quartas de final.

Cristiano Ronaldo durante a partida contra a Alemanha. Portugal perdeu por 4 a 0.
17/06/2014 - Copa do Mundo/Imprensa

Portugal terá que “colar os cacos” antes de próximo jogo

Os jornais portugueses ainda não digeriram a derrota de 4 a 0 para a Alemanha no jogo de estreia da Copa do Mundo ontem.

A greve de trens na França entra no sexto dia de paralisação nesta segunda-feira (16).
16/06/2014 - Imprensa

Ferroviários e governo francês travam queda de braço, avalia imprensa

Nesta segunda-feira (16), os ferroviários da França entram em seu sexto dia de greve. O movimento social revela a intransigência dos sindicalistas e do governo, diz a imprensa.

Jogadores da Seleção cantam o hino antes de jogo de estreia contra a Croácia.
13/06/2014 - Estreia da Copa

Execução do hino foi momento de "comunhão" entre a seleção e a torcida, diz imprensa

O jornal Aujourd'hui en France afirma nesta sexta-feira (13) que Jennifer Lopez, que cantou na abertura, não foi páreo para a principal atração do dia: a estreia da seleção brasileira na Arena Corinthians, em São Paulo. O hino cantado a plenos pulmões pelo estádio e pelos jogadores foi um momento de "comunhão", escreve o jornal. Torcedores e a seleção continuram a cantar a capela após a interrupção da parte instrumental numa versão reduzida.

Passageiro em estação de metrô em São Paulo.
10/06/2014 - Greve/Brasil

Metroviários de São Paulo ameaçam fazer a “maior greve” da história na abertura da Copa

Depois de decidirem suspender a paralisação por 48 horas nesta segunda-feira (9), os metroviários voltam a fazer ameaças. Em entrevista à RFI, o secretário-geral do sindicato dos metroviários de São Paulo, Alex Fernandes, disse que a categoria exige a readmissão dos grevistas demitidos.

Na reta final da Copa, álbum de figurinhas vira mania entre torcedores
03/06/2014 - Reportagem

Na reta final da Copa, álbum de figurinhas vira mania entre torcedores

O clima de Copa do Mundo pode até não ter contagiado ainda as ruas do Brasil, mas, a julgar pelo sucesso das vendas dos álbuns de figurinhas. Sim, vai ter Copa.

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, anunciou a sua aposentadoria.
30/05/2014 - Brasil

Julgamento do mensalão é o maior legado de Barbosa, diz OAB

O anúncio da aposentadoria antecipada de Joaquim Barbosa foi considerado surpreendente. Aos 59 anos, ele poderia trabalhar até os 70 anos, mas decidiu deixar o comando do Supremo Tribunal Federal. Após quase 2 anos à frente do órgão, Felipe Santa Cruz, presidente da Ordem dos Advogados do Brasil do Rio de Janeiro, considera que o julgamento do mensalão é a principal marca deixada por Barbosa.

Militares nas ruas da Tailândia após golpe de Estado.
23/05/2014 - Tailândia

Após golpe, brasileiros tentam manter rotina normal na Tailândia

O golpe de Estado realizado pela junta militar na Tailândia nesta quinta-feira (22) deixou as autoridades diplomáticas brasileiras em alerta. Mas os brasileiros residentes no país tentam, apesar das circunstâncias, manter um ritmo de vida normal. Prova disso: o Carnaval da comunidade brasileira, previsto para amanhã, vai ser mantido.

Close