Guerra de patentes - 
Artigo publicado em 25 de Agosto de 2012 - Atualizado em 28 de Agosto de 2012

Samsung vai recorrer de decisão favorável à Apple nos EUA

Um iPhone 4S (esq.) e um Samsung Galaxy III são mostrados lado a lado em uma loja de Seul; a Samsung foi condenada por um tribunal californiano a pagar mais de um bilhão de dólares à Apple por infração de patentes ligadas ao iPhone e iPad.
Um iPhone 4S (esq.) e um Samsung Galaxy III são mostrados lado a lado em uma loja de Seul; a Samsung foi condenada por um tribunal californiano a pagar mais de um bilhão de dólares à Apple por infração de patentes ligadas ao iPhone e iPad.
Reuters

RFI

A Samsung divulgou um comunicado neste sábado afirmando que pretende recorrer da decisão do tribunal americano que condenou a empresa a pagar mais de um bilhão de dólares por infração de patentes ligadas ao iPad e ao iPhone. Após a vitória da Apple nesta sexta-feira, a empresa sul-coreana avisa que a guerra de patentes ainda não terminou.

Após três semanas de audiências e três dias de deliberações, em um julgamento que pode ter consequências decisivas para o mercado em plena ebuilção dos tablets e smartphones, os jurados deram em boa parte razão à Apple, que acusava a Samsung de ter copiado o iPhone e o iPad.

O gigante sul-coreano foi condenado a pagar US$ 1,05 bilhão de dólares à empresa californiana. Um valor sem precedentes, embora esteja longe dos US$ 2,75 bilhões exigidos pela Apple. Além disso,  as acusações da Samsung contra seu concorrente foram rejeitadas pelos jurados. A empresa sul-coreana considera que a Apple havia infringido várias de suas patentes, em particular no que diz respeito às tecnologias de Internet sem fio.

"Os consumidores são os perdedores" do processo, afirmou a Samsung em seu comunicado. O julgamento desta sexta-feira "vai ter como consequência uma menor quantidade de opções, menos inovação e preços potencialmente mais altos", diz o texto. A empresa sul-coreana também lamentou que "a legislação sobre as patentes seja manipulada para dar a um grupo o monopólio sobre os retângulos com cantos arredondados".

Julgamento

Apple e Samsung estão em conflito sobre casos de patentes diante da justiça de vários países, mas até agora nenhum dos dois grupos havia obtido uma vitória significativa. Na própria sexta-feira, um tribunal sul-coreano havia julgado as duas empresas culpadas. Mas no julgamento da Califórnia a vitória da Apple foi esmagadora. Todas as suas patentes foram julgadas válidas, e o tribunal considerou que todas menos uma haviam sido infringidas pelos produtos da Samsung.

Uma audiência já está marcada para o dia 20 de setembro para determinar se convém derrubar ou modificar o julgamento desta sexta-feira, ou ainda impor sanções "punitivas" à Samsung, que poderiam triplicar o montante da indenização que a empresa sul-coreana deve pagar para a Apple.

Para Jeff Kagan, um analista especializado em tecnologia, "a próxima questão é saber se a Samsung poderá continuar a utilizar essas tecnologias ou deverá retirar seus aparelhos do mercado". "Em outros casos desse tipo, geralmente o perdedor pode continuar a vender seus aparelhos, mas deve pagar royalties ao vencedor", explicou.

Em um mercado em alta como o dos tablets e smartphones, a Samsung tem muito a perder, mesmo no caso de um simples atraso na comercialização de seus produtos.

No segundo trimestre, a Apple detinha 70% do mercado dos tablets, o que equivale a 17 milhões dos 25 milhões de aparelhos desse tipo vendidos no mundo. Samsung é seu principal concorrente mas está ainda longe, com 2,4 milhões de tablets vendidos.

Essa relação se inverte no mercado dos telefones celulares, onde Samsung está na liderança. O grupo sul-coreano vendeu 50,2 milhões de telefones no segundo trimestre, quase duas vezes mais que os 26 milhões de iPhones vendidos no mesmo período, segundo a consultoria IDC.

 

 

tags: Coreia do Sul - Estados Unidos - Julgamento - Multa - Tecnologia
Mais notícias sobre o mesmo assunto
Comentários
Comente este artigo
O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para diferenciação entre computadores e humanos contra os ataques de spams. Automated spam submissions.
Close