Últimas notícias
Espanha/ crise - 
Artigo publicado em 03 de Setembro de 2012 - Atualizado em 03 de Setembro de 2012

Andaluzia é a 3ª região em uma semana a pedir ajuda a governo espanhol

Ministro espanhol, Luis de Guindos, prometeu disponibilizar fundo o mais rapidamente possível.
Ministro espanhol, Luis de Guindos, prometeu disponibilizar fundo o mais rapidamente possível.
REUTERS/Andrea Comas

RFI

A Espanha sofreu nesta segunda-feira mais um dia de forte pressão pela crise econômica. Após as regiões espanholas de Catalunha e Valência pedirem ajuda financeira ao governo central da Espanha, chegou a vez de a Andaluzia solicitar apoio a Madri.

O governo autônomo andaluz vai precisar de 1 bilhão de euros para conseguir pagar vencimentos de outubro. Na semana passada, a Catalunha havia pedido um auxílio de mais de 5 bilhões de euros ao Estado. Dois dias depois, Valência disse necessitar de 4,5 bilhões de euros. Ao mesmo tempo, o quarto maior banco do país, o Bankia, publicou um prejuízo recorde de 4,45 bilhões de euros, indicando a necessidade imediata dos fundos públicos.

A avalanche de notícias ruins logo após o final das férias de verão na Europa, marcada por uma morosidade nos mercados financeiros, tiveram conseqüências imediatas: o risco-país da Espanha ultrapassou os 550 pontos.

Diante das demandas, Madri não tem outra escolha a não ser se mostrar solidária. O primeiro-ministro Mariano Rajoy reforçou que "não deixará ninguém de lado". Já o ministro da economia, Luis de Guindos, ressaltou que o fundo de resgate de 18 bilhões de euros que o governo criou em julho estará disponível nas próximas semanas. A Catalunha advertiu que se o dinheiro não aparecesse em setembro, teria “sérias dificuldades” em honrar suas dívidas.

Outubro vai ser um mês particularmente difícil para o governo espanhol: 30 bilhões de euros de vencimentos de dívidas devem chegar ao prazo final, levantando dúvidas sobre a capacidade de o país conseguir quitá-los, em meio a tantos pedidos de ajuda interna. A expectativa de Madri é que o Banco Central europeu ofereça auxílio aos espanhóis durante a próxima reunião do órgão, na próxima quinta-feira.
 

tags: Ajuda financeira - Crise - Espanha - Madri
Mais notícias sobre o mesmo assunto
Comentários
Comente este artigo
O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para diferenciação entre computadores e humanos contra os ataques de spams. Automated spam submissions.
Close