Handebol/ Escândalo - 
Artigo publicado em 02 de Outubro de 2012 - Atualizado em 02 de Outubro de 2012

Suspeitos de manipulação de partida de handball são interrogados em Montpellier

O campeão olímpico de handball e jogador do Montpellier, Nikola Karabatic, no momento em que foi detido, em Paris, no último domingo.
O campeão olímpico de handball e jogador do Montpellier, Nikola Karabatic, no momento em que foi detido, em Paris, no último domingo.
REUTERS/Regis Duvignau

RFI

Dezessete pessoas suspeitas de apostas e manipulação de uma partida de handball, entre eles jogadores e funcionários da equipe de Montpellier, serão submetidas a interrogatório por corrupção esportiva e apresentadas a um juiz nesta terça-feira. Entre os atletas envolvidos estão Nikola Karabatic, campeão olímpico considerado o melhor do mundo na modalidade, e seu irmão Luka.

Desde domingo, os 17 suspeitos estavam detidos na sede da Direção central da polícia judicial de Nanterre, na periferia de Paris, para depor sobre o caso. As prisões aconteceram após a partida contra a equipe de handball Paris Saint-Germain. Nesta manhã, eles foram transferidos para Montpellier, no sul da França.

O grupo é suspeito de receber mais de 250 mil euros (cerca de 653 mil reais) em apostas pela partida do clube de Montpellier contra o Cesson-Sévigné, no dia 12 de maio, pelo campeonato francês de handball. Na ocasião, o Montpellier, a principal equipe do handball do país que acumula vitórias e conta com uma equipe de campeões olímpicos, misteriosamente perdeu o jogo para o Cesson-Sévigné, um time mais fraco da liga.

O caso gerou indignação na França, onde os jogadores da equipe de Montpellier tem uma imagem muito positiva entre os franceses, especialmente os célebres irmãos Karabatic.

Suspeitas fortes caem sobre a dupla, afirmou ontem o procurador da cidade de Montpellier, falando em um possível “pacto de corrupção” do grupo.

Segundo o advogado dos atletas, eles confessaram que fizeram apostas, mas negam que participaram da suposta manipulação dos resultados.

Se for comprovado que os jogadores fizeram apostas, eles devem ser suspensos durante seis partidas e pagar uma multa de 15 mil euros. Mas se o jogo tiver sido manipulado, os atletas podem pegar até 5 anos de prisão além do pagamento de uma multa de 75 mil euros.
 

tags: Escândalo - Esporte - Handebol
Mais notícias sobre o mesmo assunto
Comentários
Comente este artigo
O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para diferenciação entre computadores e humanos contra os ataques de spams. Automated spam submissions.
Close