Europa

Conteúdo sindicadoÚltimos artigos
Marcha foi em homenagem ao opositor Boris Nemstov reuniu 70 mil pessoas
01/03/2015 - Rússia/Assassinato

Mais de 70 mil participam da marcha em homenagem a Boris Nemtsov em Moscou

Mais de 70 mil pessoas participaram neste domingo (1°) da marcha organizada em Moscou em homenagem ao opositor Boris Nemtsov, assassinado na sexta-feira (27) a tiros em uma ponte próxima ...
Alexis Tsipras: declaração polêmica sobre Espanha e Portugal
01/03/2015 - Espanha/Polêmica

Espanha pede que União Europeia condene acusação do premiê grego contra o país

O governo espanhol pediu, neste domingo (1°), aos presidentes do Conselho Europeu e da Comissão Europeia que condenem as declarações do governo grego, que acusou a Espanha e ...
O bairro de negócios milanês Porto Nuova.
28/02/2015 - Negócios

Fundo soberano do Catar compra o bairro mais moderno de Milão

O Qatar Investment Authority, fundo soberano do emirado árabe Catar, se tornou o proprietário do bairro de Porta Nuova, considerado a mais nova jóia artquitetônica da cidade de Milão, na Itália. O valor da transação não foi divulgado, mas estima-se que não tenha custado menos do que € 2 bilhões.

Boris Nemtsov era uma das principais figuras de oposição na Rússia.
28/02/2015 - Rússia

Boris Nemtsov denunciava corrupção do governo Putin e atuação russa na Ucrânia

O oposicionista russo Boris Nemtsov, assassinado na noite de sexta-feira (27) no centro de Moscou, era antes de tudo um político carismático e destemido. Entre os líderes da oposição, era o único a ter passado pelo Kremlin, tendo sido vice-primeiro-ministro e Ministro da Energia no governo de Boris Iéltsin nos anos 1990, além de governador da cidade de Níjni Novgorod. Nemtsov não era unanimidade no campo oposicionista, mas era saudado como um crítico incansável de Vladimir Putin.

Flores no local do assassinato em Moscou.
28/02/2015 - Rússia

Assassinato de opositor russo Boris Nemtsov foi planejado, diz polícia

O russo Boris Nemtsov, antigo vice-primeiro-ministro de Boris Iéltsin e principal opositor de Vladimir Putin, foi morto em pleno centro de Moscou na noite de sexta-feira (27). Ele foi atingido com quatro tiros nas costas. A manifestação política da qual ele participaria do domingo foi cancelada e substituída por uma marcha em sua memória. Segundo as primeiras informações da polícia, o assassinato foi “minuciosamente planejado”.

O ministro da Economia alemão, Wolfgang Schauble.
27/02/2015 - Alemanha

Contrariado, congresso alemão dá sinal verde para ajuda à Grécia

Os deputados alemães deram nesta sexta-feira (27) o sinal verde que faltava para a extensão de quatro meses no plano de resgate financeiro da Grécia. Como esperado, a proposta passou tranquilamente pelo congresso, onde o governo detém 80% dos assentos. O projeto contou ainda com apoio de parte da oposição de esquerda.

Rebelde pró-russo patrulha os arredores do aeroporto de Donetsk, nesta quinta-feira (26), apesar do compromisso da rebelião e de Kiev de retirar os armamentos da região.
27/02/2015 - Crise/Ucrânia

Apesar do cessar-fogo, 3 soldados da Ucrânia são mortos no leste do país

Tudo indicava que finalmente o cessar-fogo na Ucrânia seria respeitado, mas Kiev acaba de anunciar que três soldados ucranianos morreram e três foram feridos nesta sexta-feira (27) ...
A Ucrânia começa a retirar armas pesadas do leste
26/02/2015 - Ucrânia/Conflito

Ucrânia inicia retirada de armas pesadas do leste separatista

A Ucrânia iniciou nesta quinta-feira (26) a retirada de suas armas pesadas do leste separatista, onde a trégua finalmente parece perdurar, apesar de uma queda de braço constante ...
Conteúdo sindicadoDossiers Europa
(da esquerda para direita)O conservador, David Cameron, o liberal-democrata, Nick Clegg, e o primeiro-ministro trabalhista, Gordon Brown.
11/05/2010 - Eleições/ Reino Unido
Greve geral contra plano de austeridade paralisou a Grécia.
15/03/2010
Close