Últimas notícias
Rússia/Eleições - 
Artigo publicado em 03 de Março de 2012 - Atualizado em 04 de Março de 2012

Começam as eleições presidenciais na Rússia com favoritismo de Putin

En un muro de Moscú, la imagen de Vladimir Putin como presidente de Rusia
En un muro de Moscú, la imagen de Vladimir Putin como presidente de Rusia
REUTERS/Pawel Kopczynski

RFI

Os habitantes da cidade de Tchoukotka, no Extremo Oriente da Rússia, foram os primeiros a votar nas eleições presidenciais do país. As urnas foram abertas às 8h deste domingo e a votação termina às 17h no horário de Kaliningrad. Liderando as pesquisas com ampla vantagem, o primeiro-ministro Vladimir Putin tem grandes chances de ser eleito já neste primeiro turno.

Os primeiros resultados parciais serão divulgados neste domingo, logo depois do encerramento da votação (às 15h no horário de Brasília). Cerca de 107 milhões de eleitores foram convocados às urnas.

Com aproximadamente 60% das intenções de voto, o primeiro-ministro Vladimir Putin enfrenta quatro adversários: o comunista Guennadi Ziouganov, o populista Vladimir Jirinovski, o milionário Mikhaïl Prokhorov e o centrista Sergueï Mironov. Ao longo da campanha, várias manifestações contra a permanência de Putin no poder foram registradas em Moscou e em outras regiões do país.

Fraudes

Com as denúncias de fraudes durantes as eleições parlamentares de dezembro, as autoridades russas decidiram instalar 180 mil câmeras de vídeo em 90 mil locais de votação neste domingo (95% do total). O pleito será acompanhado por 685 observadores internacionais. Segundo observadores europeus, a instalação de câmeras não garante a ausência de fraudes, já que as câmeras não podem filmar o processo de contagem de votos nem o registro dos resultados.

A oposição convocou milhares de pessoas para acompanhar as eleições desde a abertura das urnas até a transmissão dos dados finais pelas comissões eleitorais locais à Comissão Eleitoral Central. Militantes da oposição prometem fazer uma grande manifestação na segunda-feira caso Vladimir Putin seja eleito.

A polícia de Moscou anunciou que 38.500 policiais estarão mobilizados nas ruas da capital neste domingo.

tags: Eleição presidencial - Manifestação - Moscou - Presidência - Primeiro-ministro - Rússia - Vladimir Putin
Mais notícias sobre o mesmo assunto
Comentários
Comente este artigo
O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para diferenciação entre computadores e humanos contra os ataques de spams. Automated spam submissions.
Close