Últimas notícias
Interpol - 
Artigo publicado em 02 de Agosto de 2012 - Atualizado em 02 de Agosto de 2012

Interpol divulga rosto de autor de ataque anti-israelense na Bulgária

A imagem da Interpol mostra o rosto reconstituído por computador do kamikaze, responsável por atentado anti-israelenses na Bulgária, há quinze dias.
A imagem da Interpol mostra o rosto reconstituído por computador do kamikaze, responsável por atentado anti-israelenses na Bulgária, há quinze dias.
©Interpol

RFI

A Interpol divulgou nesta quinta-feira uma imagem com o rosto reconstituído por computador do kamikaze, responsável por matar seis pessoas e ferir cerca de trinta, há quinze dias em um ônibus no estacionamento do aeroporto búlgaro de Burgas. A polícia internacional tenta identificar o autor e possíveis cumplices do atentado suicida visando turistas israelenses.

A foto de um homem de aproximadamente 35 anos, de pele e olhos claros com cabelos castanhos-escuro aparece no site do organismo, ao lado de imagens capturadas pelas câmeras do aeroporto, em que o kamikaze aparece usando roupas de turista e óculos escuros.

As digitais e o DNA do homem-bomba foram recuperados pelas autoridades e não correspondem a nenhum dos nomes existentes nos bancos de dados dos serviços secretos internacionais.

Alguns especialistas levantam dúvidas de que o homem que carregava os explosivos tinha consciência de que morreria no atentado. À procura de cumplices e de mandatários do crime, que ainda não foi reivindicado, a Interpol pede que os 190 países que a integram divulguem a imagem do terrorista.

O procurador Burgas, Kalina Tchapkanova, disse nesta quinta-feira ao jornal Troud , tido como o jornal mais lido da Búlgaria, que uma enquete na Bélgica, no Reino Unido e na Finlândia visa identificar os pais do kamikaze.

Israel acusa o Irã de ter encomendado o ataque e o movimento xiita libanês Hezbollah de o ter executado. As autoridades iranianas negam com veemência a acusação. A Bulgária, país onde 13% da população é muçulmana, nunca foi palco de um atentado anti-israelense. A única vítima búlgara do ataque, o motorista do ônibus, pertencia a religião islâmica.
 

tags: Atentado - Bulgária - Interpol - Israel - Turistas
Mais notícias sobre o mesmo assunto
Comentários
Comente este artigo
O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para diferenciação entre computadores e humanos contra os ataques de spams. Automated spam submissions.
Close