França/Hollande - 
Artigo publicado em 20 de Janeiro de 2014 - Atualizado em 20 de Janeiro de 2014

"Valérie está melhor", diz François Hollande em Haia

O presidente da França, François Hollande, visita Haia e Amsterdã a convite do rei Willem-Alexander e o primeiro-ministro, Mark Rutte(foto).
O presidente da França, François Hollande, visita Haia e Amsterdã a convite do rei Willem-Alexander e o primeiro-ministro, Mark Rutte(foto).
REUTERS/Toussaint Kluiters/United

RFI

Em visita a Haia, na Hollanda, o presidente François Hollande se recusou novamente a falar sobre sua vida pessoal e o futuro da relação com sua companheira Valérie Trierweiler, que deixou o hospital no sábado e está descansando na residência presidencial La Lanterne, em Versalhes. O líder francês ainda não confirmou se a primeira-dama vai participar da viagem oficial que faz aos Estados Unidos em fevereiro.
 

Dez dias depois da revista Closer revelar o caso do presidente François Hollande com a atriz francesa Julie Gayet, o chefe de Estado continua mantendo a discrição sobre o assunto, que ele prometeu esclarecer antes da viagem oficial aos Estados Unidos, marcada para o dia 11 de fevereiro. 

Em uma entrevista coletiva nesta segunda-feira em Haia, o presidente francês, como previsto, foi sucinto. Disse apenas que Valérie, que deveria acompanhá-lo à Holanda, está melhor, e  continua descansando em Versalhes. Ela teve alta do hospital parisiense Pitié La Salpetrière depois de uma crise nervosa. 

O presidente francês foi recebido sozinho hoje pela manhã no Palácio de Haia pelo rei Willem-Alexander e sua esposa, Maxima. Ele participou em seguida de um almoço oficial oferecido pelo casal real. O presidente francês também convidou o rei e a rainha para participar das comemorações dos 70 anos do desembarque dos aliados na Normandia, em 6 de junho.

Acompanhado de três ministros, Hollande participa nesta segunda-feira à tarde de um encontro entre empresários franceses e holandeses. Ele também visitará a sede da OIAC, a Organização para Proibição das Armas Químicas, encarregada pela ONU de destruir as armas químicas utilizadas pelo regime sírio.

Imprensa holandesa destaca escândalo

Nesta segunda-feira, a imprensa holandesa deu destaque ao escândalo envolvendo o presidente e sua companheira. Os jornais ressaltaram que o cargo, por enquanto, está vago, e questionam: "Valérie Trierweiler continua sendo a primeira-dama?"

François Hollande tem várias viagens oficiais marcadas e a ausência de Valérie Trierweiler é quase certa. Na próxima sexta-feira, o presidente tem um encontro com o Papa Francisco, viaja nos dias 27 e 28 para a Turquia e passa por Londres no dia 31.

A grande questão é a visita aos Estados Unidos, que deveria, em princípio contar com a presença da primeira-dama, com quem o presidente vive há nove anos.
 

tags: Escândalo - França - François Hollande - Valérie Trierweiler
Mais notícias sobre o mesmo assunto
Comentários
Comente este artigo
O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para diferenciação entre computadores e humanos contra os ataques de spams. Automated spam submissions.
Close