Rússia/Eleições - 
Artigo publicado em 03 de Março de 2012 - Atualizado em 03 de Março de 2012

"Putin força as portas do Kremlin", diz jornal Libération

O atual premiê russo, Vladimir Putin, tem ampla vantagem nas pesquisas.
O atual premiê russo, Vladimir Putin, tem ampla vantagem nas pesquisas.
REUTERS/Sergei Karpukhin

Daniela Leiras

Os principais jornais franceses deste sábado dão destaque às eleições presidenciais da Rússia neste domingo e à vitória quase certa do atual primeiro-ministro, Vladimir Putin, já no primeiro turno. Com 66% das intenções de voto, ele tem ampla vantagem em relação aos seus concorrentes, chamados pelo Libération de "figurantes". O segundo colocado nas pesquisas, Guennadi Ziouganov, presidente do Partido Comunista, aparece com apenas 15% das intenções de voto.

"Putin força as portas do Kremlin", é o título do Libération. Apesar da situação aparentemente confortável do candidato, o homem-forte da Rússia continua enfrentando um movimento de contestação inédito, partindo da capital, com reflexos em outras regiões do país. Segundo Le Figaro, a fim de contestar a legitimidade do pleito, a oposição já convocou uma grande manifestação na próxima segunda-feira em Moscou caso Putin seja confirmado como presidente eleito. Associações não descartam casos de fraude, mas dizem que desta vez haverá mais prudência, após os escândalos da eleição legislativa de dezembro.

Libération lembra que o clima atual de contestação contra Putin só pode ser comparado ao período de 1989 a 93, quando o império comunista soviético desmoronou. O jornal explica que pouca gente quer uma mudança do tipo revolucionária, mas ao mesmo tempo muitos acreditam que o sistema estabelecido por Putin não pode perdurar sem reformas profundas.

Se o primeiro-ministro for eleito presidente, seu mandato se estenderá a seis anos. Somados aos 12 anos já contabilizados no poder, serão 18 anos no total. A manchete do Libération ironiza: "Czar para vida".

O jornal Le Monde faz um balanço da atuação de Putin com o testemunho de Zoia Svetova, jornalista da revista New Times. "Dizem que para este terceiro mandato, veremos um outro Vladimir Putin, mas eu não acredito. Ele continua com seus velhos métodos, suas velhas ideias, ele perdeu o fio da meada", afirma a jornalista russa.

tags: Eleição presidencial - Imprensa - Primeiro-ministro - Rússia - Vladimir Putin
Mais notícias sobre o mesmo assunto
Comentários
Comente este artigo
O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para diferenciação entre computadores e humanos contra os ataques de spams. Automated spam submissions.
Close