Últimas notícias
 
06 de Julho de 2012
Esquerda latinoamericana apoia Chávez e condena novo governo paraguaio
O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, recebe as forças de esquerda em Caracas.
O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, recebe as forças de esquerda em Caracas.
Reuters
Luiza Duarte

Durante três dias, Caracas, na Venezuela, se torna a capital mundial da esquerda durante a 18ª Foro de São Paulo. Cerca de 600 ativistas internacionais participam do encontro criado em 1990, que ganha força e tem como slogan “Os povos do mundo contra o neoliberalismo e pela paz”. Em entrevista a RFI, Nilmário Miranda, presidente da Fundação Perseu Abramo e do Partido dos Trabalhadores de Minas Gerias e Obey Ament, responsável do setor América Latina do Partido Comunista Francês, defendem que há uma posição comum entre as forças de esquerda em apoio a reeleição de Hugo Chávez à presidência venezuelana e de repúdio ao reconhecimento do novo governo paraguaio, tido como fruto de um “Golpe de Estado”.

Mais notícias sobre o mesmo assunto
Close