Últimas notícias
 
17 de Julho de 2012
Crise europeia bloqueia crescimento dos emergentes
Crise na Zona do Euro afeta economia de países emergentes, segundo Alfredo Valladão.
Crise na Zona do Euro afeta economia de países emergentes, segundo Alfredo Valladão.
DR
Alfredo Valladão

“Não dá mais para tapar o sol com peneira. A economia dos grandes países emergentes – Brasil, Índia e China, os ditos “BICs” – está começando a esmorecer. E ninguém mais acredita que eles vão tirar a economia mundial do buraco.

O Brasil já entrou na zona perigosa de um crescimento pífio de menos de 2%. A Índia, com uma inflação de dois dígitos e uma taxa de crescimento dividida por dois, não tem nem mais condições de tentar combater a sua imensa pobreza endêmica. Quanto às autoridades chinesas, com um desempenho do PIB abaixo de 8% e uma bolha de crédito prestes a explodir, elas estão começando a dar sinais de nervosismo. O vilão imediato e atual dessa história toda é a Europa. A zona euro, que representa um quarto do PIB mundial, afundou numa crise profunda e ninguém sabe quando ela vai resolver o problema. Só que a Europa representa um terço do consumo final do mundo e que seus bancos são os maiores provedores de crédito internacional e de seguro para o comércio global. A Europa parando, o resto começa a empacar”.

Ouçam a crônica do cientista político Alfredo Valladão.

Mais notícias sobre o mesmo assunto
Close