Artigo publicado em 15 de Agosto de 2012 - Atualizado em 15 de Agosto de 2012

Confrontos entre jovens e polícia são destaque na imprensa francesa

O policiamento foi reforçado em Amiens para evitar uma nova noite de tensão.
O policiamento foi reforçado em Amiens para evitar uma nova noite de tensão.
REUTERS/Pascal Rossignol

Ana Carolina Peliz

A imprensa francesa desta quinta-feira destaca os conflitos entre jovens e forças de segurança em Amiens, cidade ao norte de Paris, que deixaram 16 policiais feridos na segunda-feira. Os jornais tentam explicar as causas dos constantes confrontos entre polícia e moradores e comentam as reações políticas.

Segundo o jornal Aujourd'hui en France, os moradores dos bairros do norte da cidade oscilam entre raiva e fatalismo diante de um incidente que já não é raro na França, mas que surpreende pelos estragos causados. "Neste bairro pobre, onde a taxa de desemprego atinge dois terços dos jovens, segundo a prefeitura, a revolta é perceptível", afirma o jornal.

O sociólogo Fabien Jobard, especialista em questões de polícia e de ordem pública, afirma em entrevista que as cidades que foram palco deste tipo de conflito no passado tinham altas taxas de pobreza e desemprego. Segundo o especialista a depredação de bens públicos é a expressão do ódio político, porque os edifícios “encarnam a presença do Estado” nas cidades.

Aujourd'hui en France entrevista também um jovem que participou dos tumultos. Ele denuncia a intervenção da polícia no domingo, que aconteceu durante um funeral, o que considera "uma falta de respeito".

O site do jornal Le Figaro destaca a entrevista do ministro francês do Interior, Manuel Valls ao canal de televisão France 2, na noite ontem. O ministro afirmou que pretende restabelecer a ordem em Amiens e declarou que tinha reforçado os efetivos de policias para evitar uma nova noite de tensão.

Cem policiais suplementares foram enviados aos bairros do norte da cidade na noite de terça-feira, elevando para 250 o número de agentes mobilizados. “Em tempos normais, cerca de trinta policiais ficam de plantão durante a noite na cidade que tem mais de 135 mil habitantes”, comenta o jornal.

Le Monde on line, afirma que a noite foi calma nos bairros do norte de Amiens. Mas sete veículos foram queimados em outras partes da cidade.
 

tags: Imprensa
Comentários
Comente este artigo
O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para diferenciação entre computadores e humanos contra os ataques de spams. Automated spam submissions.
Close