20 de Agosto de 2012
Barcelona amplia medidas para lutar contra caos urbano
Vitrine de uma loja de bebidas em Barcelona onde a prefeitura tomou várias medidas para combater o caos urbano.
Vitrine de uma loja de bebidas em Barcelona onde a prefeitura tomou várias medidas para combater o caos urbano.
REUTERS/Albert Gea
Cíntia Cardoso

Vinte anos depois das Olimpíadas de 1992, a cidade de Barcelona sofre com a alta do número de furtos, com a sujeira, a desordem  e a prostituição. Disposta a fazer uma limpeza geral na cidade catalã e a combater o caos urbano, a prefeitura lançou uma série de medidas.

Na semana passada, Barcelona começou a multar em até 3.000 euros, (R$ 7.500), para quem for flagrado praticando sexo com prostitutas nas ruas.  As multas para os clientes que estejam apenas buscando o serviço foi fixada em 1.500 euros (R$ 3.700) Já para as profissionais do sexo, as multas são de no máximo 300 euros (R$ 750), mas elas têm a opção de fazerem cursos de profissionalização para abandonarem a prostituição.

As medidas para a reorganização urbana também incluem a proibição de andar sem camisa pelas ruas, de comprar qualquer tipo de produto de vendedores ambulantes, de andar de skate ou patins nas ruas e de permanecer na praia após as 23 horas. O pacote de rigor urbano é aprovado pelos moradores, mas bastante criticado pelos turistas, como conta a correspondente da RFI em Madri, Luisa Belchior.

Close