Últimas notícias
 
04 de Setembro de 2012
Obama vai defender continuidade contra radicalismo republicano
Cenário da Convenção Democrata em Charlotte, na Carolina do Norte.
Cenário da Convenção Democrata em Charlotte, na Carolina do Norte.
REUTERS/Jim Young
Raquel Krähenbühl

De hoje a quinta-feira, os democratas tentam dar um impulso na campanha à reeleição de Barack Obama durante a convenção do partido, na cidade de Charlotte, no estado da Carolina do Norte. Os militantes contam com o talento de orador do presidente, assim como seu carisma, para desempatar a disputa com o adversário Mitt Romney. O republicano é o candidato menos popular de seu partido nas últimas décadas e aposta todas as fichas no fraco balanço de governo de Obama na área econômica.

Nesta terça-feira, o prefeito de San Antonio, Julian Castro, um joven latino, vai fazer o principal discurso da noite. A primeira dama Michelle e o ex-presidente Jimmy Carter também vão falar. Na quarta-feira, é a vez do discurso mais esperado: o ex-presidente Bill Clinton deve focar no que Obama ainda pode fazer para levar o país novamente aos tempos de prosperidade.

Obama vai procurar mostrar que foram as ações dos próprios republicanos que levaram o país à maior crise desde a grande depressão. Ele vai tentar demonstrar que tirou o país da lama e que precisa de mais quatro anos para obter os resultados de suas políticas e tentar reacender a esperança – tema vitorioso da campanha de 2008.

Close