Portugal/ Economia - Atualizado em: 20/09/13
A crise financeira de Portugal
Crise financeira Portugal

A crise financeira internacional, desencadeada em 2008, nos Estados Unidos, teve repercussões desastrosas para a economia da zona do euro e atingiu Portugal em cheio. A escassez de crédito e a crise da dívida soberana acabaram obrigando o país a pedir, em maio de 2011, um resgate financeiro da ordem de 78 milhões de euros, concedido pela União Europeia, Fundo Monetário Internacional e Banco Central Europeu. Em contrapartida, o governo português se comprometeu a cumprir um plano de austeridade sem precedentes para reduzir o seu déficit orçamentário, com reduções de salários e aumento de impostos, além de outras reformas estruturais que levaram milhões de portugueses a protestar nas ruas contra o aumento de custo de vida e o desemprego que atinge 15,4% da população ativa. A previsão para 2012 é de uma recessão em torno de 3,1% e no ano seguinte a economia deve estagnar.

Neste contexto, diversos fenômenos sociais vêm acontecendo no país. A falta de trabalho, por exemplo, está provocando a volta de brasileiros que haviam buscado melhores oportunidades profissionais no país irmão, há uma ou duas décadas. Hoje, com a aceleração econômica do Brasil, os jovens portugueses também não hesitam em atravessar o Atlântico à procura de emprego e segurança.

Em uma série de reportagens, a jornalista Leticia Constant tenta explorar vários aspectos da crise em Portugal, indo ao encontro de quem está sentindo na pele os efeitos da dramática situação do país.

 

 

 
"As portas de Portugal estão trancadas", diz o brasileiro André Luis.
25/09/2012 - Portugal/ Crise

Crise faz brasileiro voltar, depois de 11 anos em Lisboa

Desde o ano de 2008, quando a crise financeira emergiu em Portugal, centenas de brasileiros voltaram à terra natal por falta de trabalho. O O pernambucano Andre Luis Barbosa Maciel Vieira conta a sua história, entre decepção e esperança.

Ana Catarina acha que o Brasil é hoje uma nação de grandes oportunidades, voltada para o futuro.
24/09/2012 - Portugal/ Crise

Sem emprego em Portugal, designer de alto nível vai trabalhar no Brasil

A jovem Ana Catarina Silva, decoradora no setor da iluminação, não estava conseguindo encontrar em seu país um cargo à altura de sua formação. O Brasil surgiu como uma opção e ela acabou tomando a dificill decisão de deixar seu país, a família e os amigos.

Os “ministros” do Governo Sombra: (da esq. para a direita) João Miguel Tavares, Pedro Mexia, Ricardo Araújo Pereira e o coordenador "políticamente correto" Carlos Vaz Marques.
25/09/2012 - Portugal/ Crise

Programa que ironiza governo de Portugal estreia com recorde de audiência

O programa humorístico sobre a vida política do país, transmitido pela TVI 24, estreou no sábado e foi assistido por mais de 330 mil espectadores, batendo todos os programas concorrentes no horário.

A empresária Silvia Caetano contratou dois profissionais portugueses de alto nível para atuar no seu grupo no Brasil.
24/09/2012 - Portugal/ Crise

Empresária reclama da burocracia para contratar portugueses

Com a crise do desemprego, a migração de mão de obra qualificada portuguesa para o Brasil é cada vez maior. Para os empresários brasileiros em busca de profissionais, a oportunidade também é boa, mas a burocracia nacional acaba dificultando e atrasando as contratações.

Helder Mendes, motorista de táxi em Lisboa, tem dificuldades em sobreviver com a crise.
24/09/2012 - Portugal/ Crise

Com mais táxis que clientes, motoristas de praça de Lisboa sofrem com a crise

Pegar um táxi na capital lisboeta não é problema para ninguém, dá até para escolher a marca do carro. Mesmo nas horas de maior tráfego, são dezenas que passam sem passageiros, em busca de uma corrida que possa ajudá-los a completar o objetivo do dia.

Mais de cem mil pessoas protestaram nas ruas de Lisboa contra a política de austeridade do governo.
15/09/2012 - Crise / Zona do euro

Mais de cem mil protestam contra a austeridade em Portugal

Mais de cem mil pessoas manifestaram neste sábado em Lisboa e outras milhares em várias cidades de Portugal para protestar contra a política de austeridade conduzida pelo governo em troca da ajuda financeira da chamada troika, formada pela União Europeia, o Banco Central Europeu e o Fundo Monetário Internacional (FMI).
Organizadas via Internet, essas manifestações reuniram portugueses de todas as categorias que exigiam a demissão do governo de centro-direita.

Pedro Passos Coelho, primeiro-ministro português, se desculpou em sua página no Facebook pelas medidas de austeridade que seu governo adotou na última sexta-feira.
11/09/2012 - Portugal / Crise

Portugueses protestam nas redes sociais contra novas medidas de austeridade

Os portugueses estão usando as redes sociais para criticar o novo pacote de austeridade do governo e organizar protestos. O próprio primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, se desculpou pelas rigorosas medidas em sua página no Facebook.

O desemprego é um dos reflexos da crise econômica em Portugal, como mostra o cartaz em imagem desta segunda-feira, em Lisboa.
28/08/2012 - Portugal/crise

Troika avalia avanços do programa de austeridade em Portugal

Uma missão de técnicos da troika formada pelo Banco Central Europeu (BCE), do Fundo Monetário Internacional (FMI) e da União Europeia chega nesta terça-feira a Portugal para avaliar os avanços do país no programa de austeridade imposto em troca da ajuda financeira. Esta será a quinta reunião de avaliação do programa de ajuda financeira a Portugal. Em discussão, estarão o déficit nas contas públicas deste ano e do orçamento do ano que vem.

O ministro da Economia português, Vítor Gaspar, durante coletiva de imprensa em Lisboa, nesta segunda-feira.
04/06/2012 - Portugal/Economia

Portugal recebe sinal verde do FMI para nova parcela de ajuda

Portugal teve êxito na quarta fase de testes sobre o plano de ajuda internacional da União Europeia e do Fundo Monetário Internacional.

Fiéis católicos participam dos 95 anos da aparição da Virgem a três crianças em Fátima.
13/05/2012 - Crise/portugal

Crise aumenta visitas ao santuário de Fátima em Portugal

Um número recorde de fiéis católicos, cerca de 300 mil, vindos de 30 países, realizou neste ano a peregrinação de Fátima, de acordo com os responsáveis do santuário, que fica ao norte de Lisboa. Paralelamente, uma pesquisa do jornal O Público revela que as doações às igrejas no país diminuíram em cerca de 10%.

O presidente Cavaco Silva pede que os portugueses valorizem a imagem do país.
25/04/2012 - Portugal/Crise

Presidente português pede que população promova a imagem do país

O presidente português pediu que a população ajude a melhorar a imagem do país, arranhada pela crise financeira e a dependência da ajuda econômica da ...

Portugueses protestam em Lisboa contra medidas de austeridade.
06/04/2012 - Portugal/Crise

FMI alerta para piora da recessão de Portugal

A situação das contas públicas do governo português se deteriora.

Portugueses nas ruas de Lisboa protestam contra custo de vida e falta de trabalho.
22/03/2012 - Portugal/Economia

Greve em Portugal reúne milhares em protesto contra vida difícil

Nesta quinta-feira, em Portugal, numerosos serviços públicos, principalmente os transportes, foram paralizados por uma greve geral contra as medidas de austeridade instauradas pelo governo, em troca da ajuda financeira concedida em maio do ano passado pela União Europeia e Fundo Monetário Internacional. A economia local continua a se retrair e Portugal não descarta a possibilidade de um empréstimo suplementar.

O ministro das Finanças português, Vítor Gaspar.
28/02/2012 - Portugal/ Crise

Bom aluno, Portugal vai receber nova parcela de empréstimo

Portugal foi aprovado na terceira avaliação feita por seus credores e vai receber os 14,6 bilhões da quarta parcela da ajuda econômica de 78 bilhões de euros. O anúncio foi feito nesta terça-feira pelo ministro português das Finanças, Vitor Gaspar.

O primeiro-ministro português, Pedro Passos Coelho, neste sábado, em Lisboa.
21/01/2012 - Portugal/crise econômica

Credores constatam aplicação de reformas em Portugal

Representantes da troica União Europeia – Banco Central Europeu – Fundo Monetário Internacional constataram a adoção de um pacote de medidas de austeridade por Lisboa, em troca de ajuda internacional.

Depois da Comissão Europeia,  foi a vez do FMI desbloquear a terceira parcela do empréstimo a Portugal, após reunião da cúpula do órgão em Washington.
20/12/2011 - Portugal/FMI

FMI libera 7 bilhões de reais de empréstimo a Portugal

O Fundo Monetário Internacional (FMI) anunciou nesta segunda-feira ter aprovado o depósito de 2,9 bilhões de euros para Portugal, o equivalente a 7 bilhões de reais. O montante é referente à terceira parcela do empréstimo de 28 bilhões de euros (68 bilhões de reais), acordado em maio passado ao país europeu fragilizado pela crise do euro.

As duas principais centrais sindicais portuguesas se uniram para a greve geral desta quinta-feira
24/11/2011 - Portugal/greve

Greve em Portugal paralisa diversos setores

A população vai às ruas nesta quinta-feira em Portugal para protestar contra as medidas de austeridade propostas pelo governo. As manifestações foram convocadas pelos dois principais sindicatos, que se reuniram pela terceira vez desde 1988 para denunciar o programa de corte de gastos, em troca da ajuda da União Europeia e do FMI.

Vitor Gaspar, ministro das Finanças português, durante entrevista coletiva.
16/11/2011 - Portugal/crise

UE, FMI e BCE liberam parcela de ajuda a Portugal

Portugal recebeu nesta quarta a aprovação da União Europeia, FMI e Banco Central Europeu para receber uma nova parcela de ajuda de 8 bilhões de euros, do total de 78 bilhões do empréstimo total a ser concedido para o país.

O primeiro-ministro português, Pedro Passos Coelho, adotou medidas drásticas para cortar gastos do Estado.
12/08/2011 - Portugal/Crise

Plano de austeridade adotado por Portugal satisfaz credores

A União Europeia, o Banco Central Europeu e o Fundo Monetário Internacional, principais credores de Portugal, se declararam satisfeitos com a aplicação do plano de rigor e de reformas aplicado pelo país, mas enfatizam que sérios desafios ainda devem ser superados.

Vitor Gaspar, ministro das Finanças português, durante entrevista coletiva.
14/07/2011 - Economia/Portugal

Economia portuguesa só deve se recuperar em 2013, diz ministro

Portugal prevê uma queda de 2,3% em seu Produto Interno Bruto em 2011, um índice superior às previsões anunciadas anteriormente.

O Premiê português, Pedro Passos Coelho (à direita) e o Ministro das Finanças, Vítor Gaspar.
07/07/2011 - UE/Economia

Revoltada com agências de notação, UE quer criar sua própria entidade

Nas páginas de economia dos jornais franceses desta quinta-feira, o principal assunto é a reação indignada de líderes europeus com o rebaixamento da nota da dívida de Portugal pela agência de notação Moody's. Os dirigentes reclamam com vigor do comportamento irresponsável das agências de classificação de risco.

O futuro premiê português, Pedro Passos Coelho, em Lisboa, nesta segunda-feira.
06/06/2011 - Portugal/eleições

Futuro premiê português promete mais austeridade econômica

O líder do Partido Social Democrata, de direita, Pedro Passos Coelho, prometeu ir além do plano de austeridade prometido à União Europeia e ao FMI.  O objetivo foi tranquilizar os credores de Portugal, que recebeu um empréstimo de 78 bilhões de euros, em troca do programa draconiano de medidas para reduzir gastos. O PSD venceu as legislativas deste domingo.

Close