Crise Alimentar - 
Artigo publicado em 09 de Agosto de 2012 - Atualizado em 09 de Agosto de 2012

FAO anuncia risco de nova crise alimentar

Seca afeta plantação de soja em Princenton, nos Estados Unidos, nesta foto de 18 de julho.
Seca afeta plantação de soja em Princenton, nos Estados Unidos, nesta foto de 18 de julho.
REUTERS/John Sommers II

RFI

A FAO, braço da ONU para a Agricultura e Alimentação denunciou nesta quinta-feira o risco de uma crise alimentar comparável a de 2007-2008 se reproduza. A situação pode voltar a acontecer caso alguns países continuem a restringir suas exportações, enquanto os preços dos cereais aumentam devido a seca que atinge certas zonas de produção.

O calor e o tempo seco no centro-oeste dos Estados Unidos provocaram o aumento do preço do milho e da soja, levando a um aumento geral dos preços dos cereais. Maus resultados nas colheitas na região próxima ao Mar Negro, poderiam levar países, como a Rússia, a limitar suas exportações.

Em 2007, além de condições climáticas desfavoráveis, o custo recorde de carburantes, políticas de restrição de exportações e a alta dos preços dos cereais, fazendo disparar o preço dos alimentos, gerou uma situação de crise. Na época, violentas manifestações foram registradas no Egito, Camarões e Haiti.

O preço da cesta básica de alimentos, que contém, carne, cereais, óleos, produtos lácteos e açúcar, calculada todos os meses pela FAO sofreu uma alta de 6% entre os meses de junho e julho desse ano. A organização assinala que a situação é diferente de 2007, quando a elevação do preço do barril de petróleo vez explodir ainda mais os custos da produção, mas que é preciso evitar intervenções restritivas no mercado.

A alta dos preços atinge especialmente os países mais pobres que não produzem quantidades suficientes de alimentos e seus próprios territórios. Quase um bilhão de pessoas no mundo não possuí recursos para se alimentar e depende inteiramente de programas de assistência, de acordo com dados das Nações Unidas.
 

tags: Alimentação - Cereais - Crise - FAO - ONU - Preço - Seca
Mais notícias sobre o mesmo assunto
Comentários
Comente este artigo
O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para diferenciação entre computadores e humanos contra os ataques de spams. Automated spam submissions.
Close