Últimas notícias
SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE - 
Artigo publicado em 28 de Novembro de 2012 - Atualizado em 28 de Novembro de 2012

Parlamento de São Tomé e Príncipe aprovou moção de censura

Téla non

RFI

O parlamento de São Tomé e Príncipe aprovou por unanimidade dos 29 deputados presentes uma moção de censura ao governo de Patrice Trovoada. A sessão decorreu na ausência dos 26 deputados da ADI, no poder.

A aprovação da moção que dera entrada na semana passada no hemiciclo ocorre no dia seguinte à demissão do presidente da Assembleia nacional Evaristo Carvalho.

O candidato derrotado às eleições presidenciais do ano passado alegara renunciar ao cargo na sequência das cenas de pugilato ocorridas após o anúncio da entrada da moção de censura pela parte de sectores da oposição são-tomense.

Alcino Pinto, do MLSTP-PSD, primeiro partido da oposição e movimento do actual chefe de Estado, foi eleito presidente do parlamento pelos deputados presentes hoje na assembleia.

Maximino Carlos, correspondente em São Tomé, dá-nos conta dos últimos acontecimentos da crise política em que está mergulhado o arquipélago com a incógnita sobre o governo que daqui sairá.

Correspondência de São Tomé e Príncipe
 
28/11/2012
 
 

tags: África - África Lusófona - Crise política - São Tomé e Príncipe
Comentários
Comente este artigo
O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para diferenciação entre computadores e humanos contra os ataques de spams. Automated spam submissions.
Close