Conteúdo sindicado
Eleição presidencial
Dilma Rousseff e Aécio Neves apostam em mudanças na reta final da campanha presidencial.
22/10/2014

Sob pressão de pesquisas eleitorais, Dilma e Aécio fazem mudanças de última hora na campanha

Na reta final para o segundo turno, o PT e o PSDB correm atrás de todos os votos e fazem mudanças de última hora na estratégia de campanha.
Analistas apontam parcialidade da imprensa nas eleições
22/10/2014 - Fato em Foco

Analistas apontam parcialidade da imprensa nas eleições

A cada eleição, uma polêmica está de volta no Brasil: a imprensa brasileira faz campanha por um dos candidatos? Ao contrário dos jornais franceses ou americanos, os brasileiros não costumam abrir o voto, uma decisão que não diminui os questionamentos dos eleitores sobre a imparcialidade dos veículos.

Alternância de poder no Brasil poderia alterar relações com Venezuela
21/10/2014 - Linha Direta

Alternância de poder no Brasil poderia alterar relações com Venezuela

Um dos principais sócios comerciais do Brasil na região, a Venezuela vem acompanhando as eleições com bastante atenção.
O candidato à presidência, Afonso Dhlakama do partido RENAMO, votando em Maputo. 15/10/14
15/10/2014 - Moçambique/Eleições

Investidores brasileiros acompanham com atenção eleições em Moçambique

Onze milhões de eleitores votam nesta quarta-feira (15) nas eleições gerais de Moçambique, um dos países com maior crescimento atualmente no mundo. A votação é acompanhada atentamente por grupos ocidentais, entre eles brasileiros, mas também chineses e sul-africanos, que investiram em massa no país.

Band transmitiu o primeiro debate entre os candidatos a eleição 2014, Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB).
15/10/2014 - Eleições 2014

Ataques entre Dilma e Aécio marcam o primeiro debate do segundo turno

No debate transmitido pela Band na noite desta terça-feira (14), o primeiro do segundo turno, a presidente Dilma Rousseff (PT) e seu adversário, o senador Aécio Neves (PSDB), ...
Evo Morales saúda simpatizantes que se reuniram na Plaza Murillo, após sua chegada ao Palácio Presidencial, em La Paz.
13/10/2014 - Bolívia/Eleições

Conquistas sociais na Bolívia garantem reeleição de Evo Morales

O socialista Evo Morales, no poder desde 2006, foi reeleito já no primeiro turno da eleição presidencial da Bolívia para um novo mandato de cinco anos, segundo uma ...
Marina Silva, do PSB.
12/10/2014 - Marina/Aécio

Marina declara voto e apoio a Aécio no segundo turno

Marina Silva, ex-senadora e candidata derrotada à presidência pelo PSB, declarou neste domingo (12), em São Paulo, seu voto e apoio à candidatura do tucano Aécio Neves. “A alternância de poder fará bem ao Brasil”, disse. A imprensa francesa dá grande destaque ao apoio de Marina a Aécio. A ecologista assumiu a chapa do PSB após a morte de Eduardo Campos, no dia 13 de agosto. Ela ficou em terceiro lugar no primeiro turno, com 22 milhões de votos, atrás da presidente Dilma Rousseff (PT) e de Aécio Neves (PSDB).

O presidente boliviano Evo Morales no último comício de sua campanha, em 8 de outubro de 2014.
11/10/2014 - Bolívia/Eleição

Pesquisas indicam vitória de Evo Morales nas eleições de domingo

O presidente boliviano Evo Morales briga um terceiro mandato nas eleições presidências de domingo (12). As pesquisas de opinião apontam que ele é o grande favorito e deve se reeleger com 59% dos votos. Os quase seis milhões de eleitores bolivianos também vão às urnas para eleger os deputados e senadores do país.

Votos brancos e nulos permitiram eleição de Congresso mais conservador
10/10/2014 - Fato em Foco

Votos brancos e nulos permitiram eleição de Congresso mais conservador

O alto índice de votos brancos e nulos e as abstenções possibilitaram a eleição de um Congresso mais conservador no Brasil. Para especialistas, o desinteresse pela política e a desinformação do eleitorado sobre as propostas dos candidatos explicam o reforço do número de parlamentares identificados com a direita.

Com eleição polarizada, estados “neutros” vão definir segundo turno no Brasil
10/10/2014 - Reportagem

Com eleição polarizada, estados “neutros” vão definir segundo turno no Brasil

Com quase 60% dos votos válidos vindos do Nordeste no primeiro turno das eleições presidenciais do último domingo (5) no Brasil, Dilma Rousseff reafirmou seu domínio na região. No entanto, o resultado suscitou uma série de reações preconceituosas contra a região nordestina e sua população na internet. Cientistas políticos ouvidos pela reportagem da RFI lembram que o preconceito contra nordestinos é histórico no Brasil e que o segundo turno das eleições presidenciais, no dia 26 de outubro, será definido por estados brasileiros onde os votos para Dilma Rousseff ou Aécio Neves ainda não estão cristalizados, como o Rio de Janeiro.

Close