Conteúdo sindicado
Reino Unido
Bernard Cazeneuve, ministro francês do Interior e Theresa May, homóloga britânica.
20/08/2015 - França/Reino Unido

Migração: França e Reino Unido declaram guerra às redes de passadores

França e Reino Unido assinaram esta quinta-feira um acordo de cooperação com o objectivo de gerir a crise migratória de Calais. Um aperto de mão entre Paris e Londres contra as redes de passadores que ajudam migrantes e refugiados a cruzar o Canal da Mancha, numa altura em que a Europa enfrenta a mais grave crise migratória desde a Segunda Guerra Mundial.

"A política migratória da Europa não é homogénea"
20/08/2015 - Convidado

"A política migratória da Europa não é homogénea"

A França e a Grã-Bretanha assinaram hoje um acordo para a gestão conjunta dos fluxos migratórios de Calais para o Reino Unido, algumas semanas depois de um pico de tentativas de passagem de migrantes pelo túnel da Mancha. Este acordo prevê o reforço da segurança na zona de Calais no intuito de lutar contra as redes de passadores, certos sectores de opinião, nomeadamente os comunistas aqui em França, criticando a ausência de uma vertente humanitária neste acordo. Pedro Góis, sociólogo, professor e investigador no Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, autor de obras sobre os movimentos migratórios na Europa, começa precisamente por evocar este aspecto.

Imigrantes ilegais tentam cegar ao Eurotúnel
03/08/2015 - Migração

1700 migrantes impedidos de chegar ao Eurotúnel esta madrugada

Esta madrugada cerca de 1700 migrantes foram impedidos de chegar ao Eurotúnel, perto de Calais, norte de França. Paris e Londres pedem ajuda para resolver o problema e apelam ao envolvimento da União Europeia e dos Estados africanos.

Migração: urge uma "reposta integrada" da União Europeia
03/08/2015 - Convidado

Migração: urge uma "reposta integrada" da União Europeia

A migração tem feito correr muita tinta nos meios de comunicação europeus devido, nos últimos tempos, às tentativas massivas de invasão do Eurotúnel, em Calais, norte de França. A estes acrescem-se aqueles que tentam chegar à Europa via Mar Mediterrâneo. Um drama humanitário que segundo Fernando Nobre, urge dar resposta. Para o presidente da organização não-governamental Assistência Médica Internacional, a Europa deve assumir as suas responsabilidades nesta questão.

Vaga de migrantes sem precedentes no Eurotúnel
30/07/2015 - Revista de Imprensa

Vaga de migrantes sem precedentes no Eurotúnel

Continua a fazer correr muita tinta a vaga de migrantes sem precedentes na tentativa de atravessar o Canal da Mancha a partir de França e em direcção ao Reino Unido.

Migrantes junto ao terminal do Eurotúnel, em Calais. 28/07/15
29/07/2015 - Eurotúnel

Sudanês morre ao tentar atravessar Eurotúnel

Perto de 1500 migrantes tentaram entrar, durante a noite, em Inglaterra através do Eurotúnel, no Canal da Mancha. Um deles, um homem sudanês, acabou por morrer depois de ser atropelado por um camião. Foi a nona morte a ocorrer este verão em Calais.

O drama dos migrantes no Canal da Mancha
29/07/2015 - Revista de Imprensa

O drama dos migrantes no Canal da Mancha

O destaque vai para os mais de 2000 migrantes que, esta terça-feira à noite, invadiram o Eurotúnel tentando passar o Canal da Mancha a partir de França. Mais uma tragédia humana em torno das migrações e das terras prometidas, nesta caso o solo britânico.

A mesa negocial de onde resultou o acordo sobre o nuclear iraniano, 14/07/15
20/07/2015 - Irão

ONU aprova acordo sobre nuclear iraniano

O Conselho de Segurança das Nações Unidas adoptou esta segunda-feira por unanimidade uma resolução que aprova o acordo sobre o dossier nuclear iraniano assinado pelo Irão e pelas grandes potências e que prepara o levantamento das sanções internacionais de que Teerão é alvo.

Federica Mogherini, chefe da diplomacia europeia, Mohammad Javad Zarif, ministro iraniano dos Negócios Estrangeiros, e Sergueï Lavrov, ministro russo dos Negócios Estrangeiros
14/07/2015 - Irão

Acordo histórico entre o Irão e as potências mundiais

O Irão e o chamado Grupo 5+1 conseguiram fechar um acordo sobre o programa nuclear iraniano, esta terça-feira, em Viena, na Áustria. Teerão compromete-se em reduzir a sua capacidade nuclear em troca do levantamento progressivo das sanções económicas contra o Irão.

Uma coroa de flores em homenagem às 52 vítimas dos atentados suicidas nos transportes públicos da capital britânica em 2005.
07/07/2015 - REINO UNIDO

Londres recorda vítimas dos atentados de 2005

Esta terça-feira é o décimo aniversário dos atentados de Londres de 2005, nos quais morreram 52 pessoas. O país homenageou as vítimas e recordou também os 30 britânicos mortos no ataque de Port El Kantaoui na Tunísia.

Close