Conteúdo sindicado
Renamo
Encontro entre o Presidente moçambicano Filipe Nyusi e o líder da Renamo Afonso Dhlakama
25/05/2015 - Moçambique

Fim da missão dos observadores internacionais em Moçambique

O Governo moçambicano anunciou o fim da missão da Equipa Militar de Observadores da Cessação das Hostilidades Militares, EMOCHIN, no final da 106ª ronda do diálogo político entre o partido no poder, Frelimo, e o maior partido da oposição moçambicana, Renamo.

Líderes (da esquerda para a direita) da Renamo, Afonso Dhalakama, e da Frelimo, Filipe Nysui, chefe de Estado moçambicano, reunidos em Maputo (imagem de arquivo)
04/05/2015 - MOÇAMBIQUE

Renamo denuncia em Moçambique entraves à circulação dos seus veículos

A Renamo acusa a polícia moçambicana de impedir em todo o país a circulação de viaturas do movimento da perdiz, automóveis que deveriam abastecer em mantimentos as bases do maior movimento da oposição. Numa altura em que as rondas negociais prosseguem, sem quaisquer avanços concretos.

Afonso Dhlakama, líder da Renamo.
01/05/2015 - MOÇAMBIQUE

Afonso Dhlakama não aceita decisão da Assembleia da República moçambicana

Afonso Dhlakama, líder do principal partido da oposição em Moçambique, reagiu esta sexta-feira na Zambézia ao chumbo do projecto do quadro institucional das autarquias provinciais, apresentado pelo seu partido.

Afonso Dhlakama, líder da Renamo
30/04/2015 - MOÇAMBIQUE

Parlamento de Moçambique chumbou projecto de províncias autárquicas

Com 138 votos da Frelimo contra, e 98 a favor, mais 0 abstenções, o parlamento moçambicano chumbou na generalidade o ante projecto de lei para a criação de províncias autárquicas. Uma decisão da Frelimo, o partido no poder que lança o país para um futuro incerto considera Ivone Soares chefe da bancada parlamentar da Renamo.

Da esquerda para a direita, o líder da Renamo Afonso Dhlakama e o Presidente moçambicano Filipe Nyusi
12/04/2015 - Moçambique

Dhlakama confiante na criação de províncias autárquicas em Moçambique

O líder da Renamo Afonso Dhlakama, volta a ameaçar governar as províncias lá onde o seu partido ganhou as eleições gerais do ano passado, se a Frelimo, não aprovar a sua proposta de províncias autárquicas. 

Lutero Simango, líder parlamentar do MDM
08/04/2015 - Moçambique

Oposição moçambicana deu parecer negativo ao Programa Quinquenal do Governo

Os deputados moçambicanos retomaram esta quarta-feira a discussão em torno do programa quinquenal do governo da Frelimo, um plano que prevê nomeadamente que a taxa de crescimento da economia do país ronde os 8% nos próximos anos, que a água potável se torne acessível a 75% da população rural e que a taxa de cura da desnutrição aguda de crianças com menos de cinco anos aumente dos actuais 60% para 80%.

Dom Inácio Saure, bispo da diocese de Tete, centro de Moçambique
05/04/2015 - Moçambique

Páscoa moçambicana em "paz tremida"

Em plena celebração pascal, a Igreja Católica manifesta preocupação com a situação política tensa que ainda se vive em Moçambique. Já o líder da Renamo, Afonso Dhlakama garante que o seu anteprojecto de criação de províncias autónomas não pretende dividir o país.

António Muchanga, porta-voz da Renamo, o movimento da perdiz
04/04/2015 - Moçambique

Renamo só deixará de "se movimentar quando parar de ser perseguida"

Foi nestes termos que António Muchanga, porta-voz da Renamo, reagiu aos confrontos de quinta-feira entre tropas governamentais e homens da Renamo na província de Gaza.

O antigo Presidente de Moçambique Armando Guebuza renunciou ontem à chefia da Frelimo.
30/03/2015 - Moçambique

Saída de cena do antigo Presidente de Moçambique suscita reacções

O fim ontem da quarta sessão ordinária do comité central da Frelimo marcado pela demissão do antigo Presidente Armando Guebuza do seu cargo de líder do partido e a passagem de testemunho ao actual chefe do Estado Filipe Nyusi, eleito com mais de 98% dos votos, não deixou de suscitar reacções nomeadamente no seio da oposição assim como na sociedade civil.

Afonso Dhlakama, líder da Renamo
21/03/2015 - Moçambique

Renamo quer abolir estrutura de líder comunitário em Moçambique

Afonso Dhlakama garante que a população vai abolir a estrutura de líder comunitário, instituído pela Frelimo. O líder da Renamo cumpre hoje o último dia do seu périplo pela província de Tete com o objectivo de esclarecer a população sobre a criação de províncias autárquicas.

Close