Conteúdo sindicado
Síria
Kobané e jihadismo em destaque na imprensa francesa
28/01/2015 - Revista de Imprensa

Kobané e jihadismo em destaque na imprensa francesa

A primeira grande derrota do autodenominado Estado Islâmico em Kobané é o grande destaque da imprensa francesa, que de uma forma geral lembra que foi ganha uma batalha mas a guerra, essa, está longe do seu término. O jihadismo em França continua a marcar as páginas dos jornais, com especial incidência para o percurso dos jihadistas franceses.

A cidade de Kobane foi tomada pelos curdos
26/01/2015 - Guerra/Terrorismo

Curdos expulsam jihadistas do grupo EI da cidade síria de Kobane

Os combatentes curdos expulsaram os jihadistas do grupo Estado Islâmico (EI) da cidade síria de Kobane, na fronteira com a Turquia, depois de mais de quatro meses de combates, segundo o ...
Membros do grupo rebelde Jabat al-Nosra, em Deir Ezzor
21/01/2015 - França/Terrorismo

Ex-militares franceses combatem na Síria e no Iraque como jihadistas

A RFI apurou com exclusividade que cerca de dez ex-militares franceses combatem atualmente como jihadistas na Síria e no Iraque.
Tropas israelenses patrulham a cidade de Katzrin, nas Colinas do Golã. 19/01/15
19/01/2015 - Síria/Israel

Irã confirma morte de general em ataque de Israel à Síria

O Irã confirmou nesta segunda-feira (19) a morte de um general dos Guardiães da Revolução, o exército de elite do regime, durante um ataque aéreo realizado ...
Número de refugiados no Brasil cresce mais de 1.200% em quatro anos
19/01/2015 - Fato em Foco

Número de refugiados no Brasil cresce mais de 1.200% em quatro anos

Nesta segunda-feira comemora-se o Dia Mundial dos Migrantes e dos Refugiados, organizado pela Igreja Católica.
Ramificações do atentado contra Charlie Hebdo com terrorismo jihadista
09/01/2015 - Convidado

Ramificações do atentado contra Charlie Hebdo com terrorismo jihadista

No programa Convidado desta sexta-feira, 9 de janeiro, vamos analisar o atentado terrorista contra o jornal satírico francês, Charles Hebdo, a 7 de janeiro, em Paris, com o especialista português, Ivo Sobral.

Refugiados sírios são cada dia mais discriminados no Líbano
07/01/2015 - Linha Direta

Refugiados sírios são cada dia mais discriminados no Líbano

A chefe das operações humanitárias da ONU, Valérie Amos, começa nesta quarta-feira (7) uma visita de três dias ao Líbano para avaliar a situação dos refugiados sírios no país. Em três anos, mais de três milhões de sírios atravessaram as fronteiras da Síria para fugir da violência. Um milhão e meio de sírios chegaram ao Líbano, que acaba de criar uma espécie de visto para dificultar a chegada de novas famílias sírias no país. A decisão do governo libanês foi anunciada na última segunda-feira (5), levando organizações humanitárias a declarar que tais medidas comprometerão os esforços humanitários e a segurança de refugiados sírios que fogem da guerra civil em seu país.

Combates na região de Aleppo. 5 de janeiro de 2015.
06/01/2015 - Síria

Guerra civil já matou 300 médicos na Síria

A União das Organizações Sírias de Socorro Médico (UOSSM) está alarmada com o reaparecimento de doenças que estavam erradicadas na Síria.
O jihadista neo-zelandês Mark John Taylor publica um selfie.
03/01/2015 - Síria/Estado Islâmico

Jihadista esquece de desativar geolocalização no celular e é rastreado por agências de segurança

Integrante do grupo Estado Islâmico, o jovem neo-zelandês Mark John Taylor, conhecido como Abou Abdoulrahmane, publicou diversas mensagens em sua conta no Twitter, mas sem desativar a geolocalização. O resultado: suas ações foram rastreadas pelos serviços secretos que acompanham a atividade dos terroristas.

Crise econômica, jihadismo, Cuba: especialista analisa perspectivas geopolíticas para 2015
02/01/2015 - Fato em Foco

Crise econômica, jihadismo, Cuba: especialista analisa perspectivas geopolíticas para 2015

O que a agenda geopolítica internacional reserva para 2015? Como os fatos do ano passado vão repercutir nas relações internacionais no novo ano? Reaproximação entre Cuba e Estados Unidos, ascensão do grupo Estado Islâmico, crise econômica... Para o professor de Relações Internacionais da UNESP (Universidade Estadual Paulista), Luis Fernando Ayerbe, a queda do preço do petróleo afetará menos a América Latina que os Estados Unidos.

Close